terça-feira, 2 de novembro de 2010

O Espirito da Rebelião

Posted by Força Jovem Maranguape On 05:14 No comments

O espírito de Barrabás

A rebelião começa na falta de humildade em obedecer


Quando Pilatos chegou à presença do povo e por três vezes perguntou a quem deveria soltar, se Jesus ou Barrabás, a multidão gritava desesperada: “Fora com este! Solta-nos Barrabás!” (Lucas 23:17-25). Ora, Barrabás era um bandido e rebelde. Além de assaltar e matar, ele também fora acusado de formar motins, tumulto e revolta pela cidade. Mesmo assim, o povo pediu sua liberdade e a morte de Jesus. Mas, o que tem a ver o caráter dele com o do cristão?


A rebelião era uma das características de Barrabás e também de Lúcifer. Aliás, toda a maldade existente no mundo é consequência da rebeldia satânica. É por isso que, enquanto cristãos, devemos observar quando esse espírito mau se aproxima. Logicamente, ele vem com muita sutileza, até se mostrando confiável, mas suas reais intenções são tão somente de nos separar da Verdade.


A obediência cristã está diretamente ligada à submissão, humildade e fé. Só quem de fato tem essas características, vindas do Espírito Santo, é que consegue se manter longe do espírito enganador, que atrai as pessoas com argumentos aparentemente provenientes de Deus, mas que na realidade tem propósitos genuinamente anticristãs.


A Bíblia diz que se somos de Cristo, novas criaturas passamos a ser (Leia 2 Coríntios 5:17). Desta forma, a rebelião começa na falta de humildade em obedecer. No dicionário Houaiss, por exemplo, a palavra é definida como “ato ou efeito de rebelar (-se); oposição a autoridade ou poder dominante; insurreição contra autoridade ou ordem estabelecida...”. O que vemos com isso, é que muitos querem ser chamados de cristãos, mas preferem atender aos próprios princípios e pensamentos, além de ainda tentarem persuadir os outros.


Por isso, é muito importante observarmos se não estamos nos deixando levar por uma sutil discórdia, vindo de um pensamento ou oposição contrária a uma autoridade de Deus.


Este cuidado é necessário porque até dentro das igrejas existem pessoas que se aproximam de nós apenas para confundir o que é pregado pelos homens de Deus. Há muitos rebeldes em nosso meio e isso facilita a ação deles principalmente quando encontram alguém que lhes dê atenção.

Sobre essa postagem:

0 comentários:

Postar um comentário

Seja também um Seguidor! Faça Parte!

  • RSS
  • Delicious
  • Digg
  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Youtube