quinta-feira, 6 de dezembro de 2012


Na hora de comprar uma câmera digital nos deparamos com uma infinidade de detalhes técnicos que acabam confundindo a maioria dos mortais. Antes de se aventurar a pesquisar marcas, modelos e funcionalidades, é importante definir qual será a utilidade da câmera, pois não adianta pagar por inúmeras funcionalidades adicionais se o objetivo é tirar fotos do dia a dia, já que modelos mais avançados não foram projetados para essa função. 

Para estes casos é melhor optar pelas câmeras "point and shoot" (aponte e atire) tanto pela simplicidade ao tirar fotos instantâneas quanto pelo preço mais acessível. Utilizaremos o modelo Lumix TS20 da Panasonic para ilustrar as principais características de uma câmera de boa qualidade. Uma dica muito importante é não tentar o melhor dos dois mundos, pois câmeras com características básicas e também algumas funções profissionais tendem a não fazer nenhuma das tarefas com a qualidade que deveria. Sempre tente ir a uma loja e testar o modelo antes, tirando fotos com e sem flash para avaliar se ela atende às suas necessidades.

Megapixels


A evolução do processo de fabricação de câmeras digitais permitiu a adição de mais e mais megapixels sem um aumento significativo no custo, mas isso não significa necessariamente que as fotos terão melhor qualidade. Mais pixels significa apenas uma foto maior. A maioria dos modelos atualmente traz mais de 10 megapixels, o que já é mais do que suficiente para fotos casuais. A Lumix TS20 oferece 16,1 megapixels.

Megapixels

LCD


Procure modelos que tragam um visor LCD embutido, pois isso torna possível a escolha das melhores fotos na hora e deletar as que não ficaram boas ou saíram borradas, liberando espaço do cartão de memória para novas fotos e vídeos.
Alguns modelos trazem recursos adicionais como opções de ajustes de imagem diretamente na câmera, assim como a função "Retoque automático" que elimina os defeitos mais comuns, como olhos vermelhos.

Panasonic Lumix LCD

Zoom


Aqui entramos na eterna discussão de Zoom Digital x Zoom Óptico, onde encontramos modelos, como a TS20, que implementam uma solução híbrida, com um zoom óptico de 4X que pode ser estendido até 8X digitalmente. Se estiver de olho em um modelo que só possua uma das opções, dê preferência para o que traz zoom óptico, pois mesmo encarecendo o valor final da câmera, ele oferece uma imagem de muito mais qualidade.
Modelos mais baratos trazem apenas uma lente fixa na câmera, que foca em apenas uma determinada área da imagem quando o zoom é ativado. Depois, são aplicados algoritmos de correção para melhorar o resultado - é o zoom digital, mas normalmente as imagens ficam abaixo do esperado.

Zoom

Armazenamento


Todas as câmeras atualmente trazem uma memória interna para armazenar fotos e vídeos, mas ela é normalmente pouco expressiva, com cerca de 30 MB. Então, um cartão de memória externo é não só importante, como necessário. Aqui é um outro ponto que confunde muitos usuários, pois atualmente existem vários padrões adotados por diferentes empresas:
  • Secure Digital (SD): utilizado pela Panasonic Lumix, é um dos modelos mais comuns atualmente e permite a proteção de dados para que eles não sejam apagados acidentalmente. É utilizado pelas principais fabricantes e a maioria dos notebooks e ultrabooks vendidos atualmente traz uma entrada compatível;

SD Card
  • Compact Flash (CF): possui o Tipo I, com 256 MB, e o Tipo II, que pode chegar a vários Gigabytes, utilizado principalmente pela Nikon, Canon, HP Casio e Minolta; 
Compact Flash card
  • Memory Stick: utilizados somente em câmeras Sony, sendo compatível com todos os produtos da empresa;
Memory Stick
  • XD Flash: bastante pequenos e rápidos, utilizados pelos novos modelos de câmera da Olympus e Fuji;
XD Card
  • SmartMedia: parecido com o Compact Flash e utilizado principalmente pela Fuji e pela Olympus, já é um padrão antigo e está caindo em desuso.
Smartmedia
A quantidade ideal de memória varia conforme a utilidade da máquina, já que fotos em alta resolução costumam ter de 10 a 20 MB, mas vídeos podem ocupar váris gigabytes dependendo do tempo de gravação e da qualidade escolhida.

Bateria


Embora muitos usuários tenham uma grande resistência a modelos que funcionam a base de pilhas, elas trazem a vantagem de poderem ser trocadas logo que acabam, sendo bastante conveniente quando se fica muito tempo fora de um lugar que tenha tomada, além do fato de que elas podem ser compradas em qualquer loja de conveniência.
Modelos mais atuais, como a Lumix, trazem uma bateria embutida que fornece uma boa autonomia de uso. Medir o tempo que essas baterias aguentam é um teste muito subjetivo, pois isso depende da frequência de uso e, principalmente, se o LCD e o flash estão ligados, já que estes são os maiores consumidores de energia. Se este for um ponto determinante, opte por modelos com bateria, pois estas já trazem um carregador próprio e podem ser recarregadas em qualquer tomada comum. Se escolher um modelo com pilhas, não perca tempo e compre um conjunto de palitos recarregáveis para levar junto com a embalagem. 

Battery

Detalhes adicionais


Detalhes exclusivos são fundamentais na hora de escolher entre dois modelos. A Lumix TS20, por exemplo, além de trazer todas as características de uma câmera digital de qualidade, é a prova de quedas de até 1,5 metro, areia e congelamento, além de fazer gravações em 720i embaixo d'água, possui várias opções de cores e vem com um cartão SD de 4 GB para expandir o armazenamento da câmera. 

Panasonic Lumix 03

E você, usuário? O que considera importante na hora de comprar uma câmera digital?

Fonte: Canaltech.com
Sobre essa postagem:

0 comentários:

Postar um comentário

Seja também um Seguidor! Faça Parte!

  • RSS
  • Delicious
  • Digg
  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Youtube