sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011



O oitavo sinal que caracteriza a fraqueza espiritual do cristão, é quando os mesmos deixam de se sujeitar a Palavra de Deus, e adaptam o evangelho e a Palavra de Deus no seu estilo de vida, tendo a sua mente cauterizada pelo pecado, deixando de ouvir a voz do Espírito Santo, deixando de ser sensível a voz de Deus.

É o caso da namorada, que se entrega ao namorado antes do casamento com a desculpa que assim o faz por amor, é o caso do empresário que sonega impostos com a desculpa de que se pagasse todos os tributos a sua empresa não renderia lucros, é o caso da secretária que orientada pelo seu patrão mente ao telefone dizendo que o mesmo não se encontra, com a desculpa de não ser demitida, é o caso das igrejas que apóiam o casamento homossexual, onde até os seus pastores possuem tal prática pecaminosa com a alegação de que isso não é abominável aos olhos de Deus, é o caso do homem e da mulher, ou do menino adolescente ou da menina adolescente que tem por prática a masturbação, alegando que isso seja normal e saudável para o corpo no período da puberdade, ou na fase adulta para liberação da tensão entre os solteiros.


Enfim..todos aqueles que um dia deixaram de ouvir a voz de Deus e hoje realizam adaptações em seu estilo de vida cristão, nota-se que essas pessoas sempre tem uma desculpa ou justificativa para o seu pecado, em muitos casos desculpas até convincentes e cheias de “boas intenções”, desculpas estas, que ficam enraizadas em seu coração, com o único objetivo de cauterizar a sua mente, enfim, se colocando acima de qualquer acusação da sua própria consciência.


Essa é a razão pela quais cristãos como estes estão fracos, caídos e com as suas vidas fadadas ao fracasso, é normal, pois uma vida sem Deus tem como conseqüência, caminhar a largos passos para o fracasso espiritual, para o fracasso profissional, financeiro, na saúde, na família e etc..


Se sujeite a Deus e a Sua Palavra, não queira adaptar os mandamentos e preceitos de Deus ao seu estilo de vida, justificando as suas más obras e os seus pecados, mas se dobre diante de Deus, se humilhe, abandone tudo o que desagrada a Deus, faça uma aliança com Ele, siga os caminhos, estatutos e preceitos, e com certeza, o Espírito Santo habitará no seu coração, transformará uma vida espiritual fraca e fracassada em poder, em forças, em comunhão com Deus.


Geralmente pessoas que não se sujeitam a Palavra de Deus, são vazias de Deus, são vazias do Espírito Santo e cheias de si mesmas, com ego inflado, com o orgulho em alta e humildade em baixa, onde para justificar o seu pecado tem longas e intermináveis discussões com aqueles que não compactuam com o pecado.


Você que vive nesta situação, saiba que você tem o livre arbítrio, você pode fazer o que quiser, e o que bem entender da sua vida, mas saiba que Deus, não compactua com o pecado, e os seus filhos que erram e caem em tentação ou vivem em pecado, são severamente repreendidos na bíblia que é a palavra de Deus, quando não na bíblia o Espírito Santo repreende usando um homem de Deus no altar através de uma pregação, quando não usa o pastor, o próprio Espírito Santo fala em seu coração, quando o Espírito Santo não fala em seu coração, a sua própria consciência lhe acusa, e se a sua consciência não lhe acusa mais, então…infelizmente o seu coração se fechou para atuação e obra do Espírito Santo em sua vida.


Pessoas assim, vivem o fracasso em vida, e na vinda do Senhor Jesus, perdendo a sua salvação, porque no dia do Juízo Final, não terá desculpas, argumentos ou justificações que venham tirar os praticantes do pecado do inferno.


Para entender melhor o que é uma mente cauterizada, usemos o exemplo de um menino, que foi passar as suas férias na fazenda com o seu avô, logo de manhã, ao acordar, este menino é convidado pelo seu avô a tomar o café recém preparado, naquelas chaleiras antigas e típicas do campo, em um único gole, o menino imediatamente deixa o copo com o café cair no chão, pois já no primeiro gole, a sua língua, e o céu da sua boca foram queimados, bem como o seu esôfago, e todo o seu aparelho digestivo, com um mal estar tremendo o menino desiste de tomar o café preparado pelo seu avô, que até borbulhava no copo.


Vendo isso, seu avô sorriu, pegou a sua xícara de café, e num só gole, bebeu todo o café, e ao término, sorridente colocou de volta a xícara na mesa.


Vendo isso o menino ficou horrorizado, e indagou o seu avô, perguntando, como ele conseguia tal façanha sem queimar a sua boca, e o seu avô respondeu: “Meu filho… a primeira vez que eu bebi uma xícara de café fervendo, eu tinha a sua idade e também me queimei assim como você se queimou, mas bebendo todos os dias o café fervendo, o meu corpo e a minha boca se acostumaram com a temperatura da bebida quente, hoje o meu corpo está cauterizado pelo café quente”.


Moral da história: assim como ocorreu com o menino e o seu avô, ocorre também em nossas vidas espirituais, quando somos sensíveis a voz do Espírito Santo, qualquer ato nosso que seja falho e que desagrade a Deus, imediatamente somos repreendidos pelo Espírito Santo através da sua voz em nossos corações, assim como o menino que bebeu o café fervendo e se queimou, imediatamente sentimos o peso do pecado em nossos ombros, se nos arrependermos e nos concertamos com Deus, somos justificados, livres e perdoados do pecado pelo próprio Deus, porém, se não nos arrependermos, dia após dia vivendo na prática do pecado, o Espírito Santo não encontrará espaço para falar conosco, e assim como ocorreu com o avô …”beberemos bebidas fervendo diariamente, e não sentiremos nenhuma queimadura”, isso porque a nossa mente cauterizou.


Sobre essa postagem:

0 comentários:

Postar um comentário

Seja também um Seguidor! Faça Parte!

  • RSS
  • Delicious
  • Digg
  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Youtube